Você está aqui: Página Inicial > Comunicação Social > Notícias > 2018 > dezembro > Tribunal encerra 2018 com bons resultados no cenário estratégico

Notícias

Tribunal encerra 2018 com bons resultados no cenário estratégico

Objetivo é ser uma instituição de referência na prestação jurisdicional e administrativa

Ações do documento

O Tribunal do Trabalho da Paraíba (13ª Região), termina o ano de 2018 com excelentes resultados dentro dos vários cenários estratégicos que é acompanhado pelo setor de estatística da Assessoria de Gestão Estratégica. No início do próximo ano (2019) os dados, incluindo o mês de dezembro, serão disponibilizados à sociedade, porém alguns podem ser divulgados antecipadamente, quais sejam:

CNJ: O atingimento de 05 (cinco) das 06 (seis) Metas Nacionais para o Poder Judiciário, em 2018;

CSJT: Terminar o ano entre os 03 (três) melhores IAM (Índice de Alcance das Metas) da Justiça do Trabalho;

Planejamento Estratégico Institucional: Atingimento de sete (07) dos 10 (dez) objetivos estratégicos.

De acordo com Max Frederico Guedes pereira, assessor da AGE, é importante destacar que o Regional caminha firme em busca dos seus objetivos, em busca da sua Visão de Futuro “Ser uma instituição de referência na prestação jurisdicional e administrativa, até 2020”, porém, agora com foco nos critérios sustentáveis.

Ao longo de 2018 foram realizadas 2 Reuniões de Avaliação Sustentável – RAS: a primeira em março, sob o comando da juíza presidente da Comissão Permanente de Responsabilidade Socioambiental, Mirella Cahu, e a segunda em junho, com as presenças dos juízes auxiliares da Presidência e da Corregedoria, Marcello Maia e Adriano Dantas.

Além dessas reuniões, outras ações foram desenvolvidas pela Seção de Gestão Socioambiental, a saber:

  • Sugestão à Presidência de regras para o consumo de alguns dos itens medidos pelo PLS, que culminou com o ATO TRT GP Nº 254/2018, que determina regras e procedimentos para um consumo sustentável de copos descartáveis, papel, impressão de documentos, energia elétrica e água nas unidades deste Tribunal;

  • Proposta de institucionalização do PROGRAMA TRT13 SUSTENTÁVEL – engloba todos os temas constantes no Plano de Logística Sustentável – PLS do TRT 13ª Região;

  • Colocação de adesivos em todos os banheiros do edifício-sede e do novo Fórum da Capital sobre economia de energia, água e papel toalha;

  • Abertura de protocolo administrativo para contratação de cooperativa de reciclagem;

  • Feira orgânica semanal na frente do Tribunal;

  • Deflagração de processo licitatório para contratação de empresa para descontaminação de lâmpadas;

  • Devolução, através de logística reversa, de cartuchos vazios de tonners da Lexmark e da Samsung (mais de 125 cartuchos devolvidos);

Concurso para criação da logomarca da Gestão Socioambiental.

Bons desempenhos com preocupações sustentáveis

  • Economia de 875 resmas de papel

  • Economia de 1.875 centos de copos descartáveis

  • Economia de R$ 21.000,00 em telefonia celular

  • Economia de R$ 6.000,00 em telefonia fixa

  • Economia em consumo médio mensal de gasolina de 147 litros

Economia em consumo médio mensal de diesel de 122 litros

A preocupação com os Temas do Plano de Logística Sustentável (PLS), fica demonstrado nas reduções dos consumos dos itens listados no quadro abaixo:

Copo descartável

Centos

5.676

3.801

-33.03%

Telefonia celular

R$

176.114,76

155.108,71

-11,93%

Telefonia fixa

R$

19.865,78

13.119,01

-33,96%

Água (média mensal)

751

714

-4,87%

Energia (média mensal)

Kwh

213.870

212.179

-0,79%

Gasolina (média mensal)

Litros

1.329

1.182

-11,03%

Diesel (média mensal)

Litros

378

256

-32,25%

Fonte: Sistema Socioambiental CNJ/Sistema Hórus TRT13