Você está aqui: Página Inicial > Comunicação Social > Notícias > 2018 > outubro > Internos da Fundac recebem curso de computação oferecido pelo TRT

Notícias

Internos da Fundac recebem curso de computação oferecido pelo TRT

Nesta edição estão participando nove jovens

Ações do documento

“É uma alegria ter vocês aqui”. A afirmação é do vice-presidente e corregedor do Tribunal do Trabalho da Paraíba (13ª Região), desembargador Wolney de Macedo Cordeiro, ao abrir, na terça-feira (30), mais uma edição do Projeto e-Saber de inclusão digital e social, no auditório da Escola Judicial, em João Pessoa. O projeto promove oportunidade na área de tecnologia da informação para adolescentes do regime de semiliberdade, assistidos pela Fundac. Nesta edição estão participando nove jovens.

O desembargador explicou aos participantes que o projeto é um trabalho que servidores abnegadas da instituição desenvolvem voluntariamente, partilhando seus conhecimentos. “É um trabalho muito interessante, que faço questão de elogiar. E, agora, está à disposição de vocês. Esperamos que desperte o interesse de vocês na escolha de uma profissão, de uma carreira”, disse.

O assessor de Gestão Estratégica, Max Frederico Guedes Pereira, também apresentou as boas vindas aos alunos, destacando “a importância do TRT em dividir conhecimentos com pessoas que, às vezes, não têm oportunidade de sentar em uma sala de aula e receber ensinamentos de instrutores extremamente gabaritados e que multiplicam tecnologia dentro de tribunal para juízes e servidores”. Max acrescentou ainda que “ter conhecimento para enfrentar o mercado de trabalho na idade em que vocês estão, é o único diferencial que os fará melhor que outras pessoas que não tiveram acesso a essa ferramenta”.

Gratidão

Representando a administração da Fundação de Desenvolvimento da Criança e do Adolescente da Paraíba (Fundac), o diretor da Unidade de Semiliberdade, Davi Lira, agradeceu ao TRT a oportunidade de oferecer aos jovens a oportunidade de uma preparação de qualidade para o ingresso no mercado de trabalho. “A participação do Tribunal na vida desse jovens fará grande diferença através dessas ações de forma continuada”.

Combate ao trabalho infantil

Esta edição do projeto está inserida no Programa de Combate ao Trabalho Infantil e Estímulo à Aprendizagem, do Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT), Tribunal Superior do Trabalho (TST) e Tribunais Regionais do Trabalho. Na Paraíba, os gestores são o desembargador Thiago de Oliveira e a juíza Maria Lília Leal de Souza.

A primeira edição do Projeto e-Saber aconteceu em 2007 beneficiando adolescentes de escolas públicas das redes estadual e municipal de ensino da grande João Pessoa. É coordenado pela equipe da Secretaria de Tecnologia da Informação e Comunicação do TRT (Setic), com o apoio da Administração do Tribunal. Nesta edição, está recebendo o apoio da Credjust, a cooperativa de crédito dos servidores da Justiça do Trabalho na Paraíba.

Formação

O curso é composto por 15 aulas, ministradas duas vezes por semana, das 13h às 16h. No encerramento, os participantes receberão um kit de ferramentas como incentivo para o empreendedorismo. As aulas do Curso Prático de Manutenção de microcomputadores serão ministradas na Escola Judicial do TRT pelos servidores Ericson Benjamim Melo de Arruda, Fernando Gambarra e Luiz Alberto Alves dos Santos, do Núcleo de Atendimento ao Usuário da Setic.

O objetivo do e-Saber é proporcionar formação técnico-profissional que favoreça o ingresso no mercado de trabalho, ofertada em condições adequadas à aprendizagem profissional na área e, assim, colocar os internos da instituição próximos de serem reintegrados à sociedade em condições de buscarem o mercado de trabalho.