Você está aqui: Página Inicial > Comunicação Social > Notícias > 2007 > 08 > Juízes recebem notebooks para acompanhar processos

Juízes recebem notebooks para acompanhar processos

Ações do documento

Com o objetivo de promover uma maior agilidade no trâmite processual na Justiça do Trabalho, a presidente do Tribunal Regional do Trabalho, juíza Ana Clara Nóbrega faz logo mais, às 9h, a entrega de notebooks aos magistrados de 1ª e 2ª instâncias. O equipamento eletrônico portátil que será entregue no auditório do Fórum Maximiano Figueiredo vai facilitar o trabalho dos juízes, na medida em que poderá ser transportado e utilizado de acordo com a necessidade do magistrado.

Ao todo são 66 notebooks, sendo 8 para os juízes da 2ª Instância e 58 para os juízes da 1ª Instância, sendo 27 para os juízes titulares e 31 para os juízes substitutos. “É uma ferramenta de trabalho que vai acompanhar o juiz”, disse a presidente, adiantando que a entrega dos equipamentos está dentro da proposta de gestão, que é dar prioridade ao setor de Informática do Regional.

O diretor da Secretaria de Informática do TRT, Max Frederico Guedes Pereira revelou que os equipamentos da marca Lenovo (IBM) Intel 1.8 GHZ possuem configuração atualizada dotados de todos os programas obrigatórios e necessários ao trabalho de um magistrado, a exemplo de Sistema Unificado de Acompanhamento de Processo – Suap, Aud (Sala de Audiência) e Gabinete Virtual.

Os equipamentos serão entregues aos juízes durante treinamento do Sistema Aud (Sala de Audiência) que será promovido pela Secretaria de Informática do TRT. De acordo com o diretor de Informática, Max Guedes Pereira, o Sistema Aud será agregado ao Suap, mas poderá ser usado de forma independente. “O Aud é um sistema do Conselho Superior da Justiça do Trabalho, adaptado pelo Núcleo de Desenvolvimento de Sistemas da Secretaria de Informática do TRT da Paraíba”, disse Max Guedes, revelando que com a utilização do sistema o resultado da audiência será disponibilizada de imediato tanto no Suap como na Internet.

O Aud será implantado no TRT na segunda-feira, dia 06 de agosto. Os técnicos da Seinf farão treinamento com os juízes e operadores de audiências do Fórum Maximiano Figueiredo e a partir do dia 20 de agosto, será implantado nas Varas do Trabalho do interior com previsão para conclusão no segundo semestre do mês de setembro. “A meta é implantar o sistema em duas Varas do Trabalho por semana”, disse Max Guedes.