Você está aqui: Página Inicial > Comunicação Social > Notícias > 2008 > 05 > Juíza Ana Clara fez abertura do dia “D” do Projeto Conciliar

Juíza Ana Clara fez abertura do dia “D” do Projeto Conciliar

Ações do documento

publicado: 08/05/2008 13h24 última modificação: 30/09/2016 10h20

Um café da manhã na Área de Integração Cultural do Fórum Maximiano Figueiredo marcou o início do Dia "D" do Projeto Conciliar em João Pessoa. A ebertura oficial foi feita pela presidente do TRT, juíza Ana Clara Nóbrega e contou com a presença do presidente do TRT de Goiás, Elvécio Moura dos Santos, que está na Paraíba para acompanhar o funcionamento do projeto.

O Conciliar, que está acontecendo hoje em todo o Estado, levou milhares de pessoas às Varas do Trabalho e sede do TRT no período da manhã. Só em João Pessoa, as 9 Varas registraram movimento recorde. Cada uma delas colocou em pauta uma média de 200 processos e até o meio dia 30% dos que envolviam empresas privadas, já haviam sido conciliados.

Ao todo, cerca de oitocentos servidores e mais de cinqüenta juízes do trabalho estão atuando nas unidades da Justiça do Trabalho. A previsão é que até o final da tarde de hoje, sejam realizadas mais de quatro mil audiências. Só na Capital estão sendo esperadas 2 mil para acontecer, envolvendo, além das empresas privadas, as dívidas previdenciárias.

Audiências

As audiências estão acontecendo, simultaneamente, nas cinco VTs do Fórum de Campina Grande e nas unidades de Santa Rita, Mamanguape, Itabaiana, Guarabira, Areia, Picuí, Taperoá, Monteiro, Patos, Sousa, Catolé do Rocha, Cajazeiras e Itaporanga. Para a presidente do TRT, toda a Justiça do Trabalho da Paraíba e os jurisdicionados estão de parabéns pela realização do Conciliar. A magistrada aproveitou a oportunidade para agradecer aos magistrados e servidores o empenho e dedicação ao projeto, que a cada ano acontece com mais êxito.

"Estou aqui para acompanhar a realização do Projeto Conciliar e buscar essa experiência da Paraíba que deu certo e serviu de modelo para que a ministra Ellen Gracie instituísse em todo o país", disse o presidente do TRT de Goías, Elvécio Moura dos Santos., afirmando que vai estar na Capital paraibana para acompanhar a sequência do Conciliar que é o Projeto Arrematar. Estiveram presentes juízes, diretores e servidores, além do diretor do Fórum Maximiano Figueiredo, juiz Paulo Henrique Tavares, presidente da Amatra 13, juiz André Machado, coordenadora da Central de Mandados Judiciais e de Arrematações do Fórum Maximiano Figueiredo, juíza Ana Paula Campos, presidente da OAB, José Mário Porto Filho e o gerente Regional da Caixa Econômica, Pedro Gurgel.