Você está aqui: Página Inicial > Comunicação Social > Notícias > 2008 > 08 > TRT vai usar papel reciclado para capas de processos e expedientes

TRT vai usar papel reciclado para capas de processos e expedientes

Setenta mil capas já estão sendo impressas e material começará a ser utilizado em 2009

Ações do documento

Com a frase “Preservação ambiental, responsabilidade de todos. Estamos fazendo a nossa parte”, impressa no rodapé, o Tribunal Regional do Trabalho, através do Serviço de Material e Patrimônio, já mandou confeccionar o primeiro lote de capas para processos trabalhistas. Setenta mil estão sendo impressas em papel 100% reciclado e começam a ser utilizadas no primeiro trimestre de 2009.



 

Além das capas de processos, outros materiais como papel ofício timbrado, convites e envelopes devem trazer a frase de preservação no rodapé. Se enquadrar aos padrões exigidos pela legislação ambiental é determinação do TRT, conforme o Ato número 100/2008 que faz exigências para estar de acordo com as normas ecologicamente corretas.

No documento assinado em abril, a presidente do TRT, juíza Ana Clara Nóbrega determina a abolição da compra de qualquer tipo ou espécie de material permanente ou de consumo que não esteja dentro dos padrões exigidos pela legislação ambiental vigente no Brasil. Além disso as impressoras que venham a ser adquiridas devem ser multifuncionais com capacidade para impressão frente e verso.

De acordo com o chefe do Núcleo do Almoxarifado e membro da Comissão de Gestão Ambiental do TRT, Aroaldo Sorrentino Maia, o estoque de capas (confeccionadas em papel suprema extra branco) existentes no Tribunal será suficiente para envolver processos que forem impetrados na Justiça do Trabalho até os primeiros meses de 2008. O mesmo prazo é dado para durar o estoque de papel oficio (timbrado), envelopes  e outros.

 

Aroaldo Sorrentino Maia revelou que, tanto as capas como os outros materiais serão confeccionados, a princípio, por uma gráfica que venceu processo licitatório. “A partir do próximo ano, todo o material será confeccionado e impresso na gráfica do Tribunal”, disse.