Você está aqui: Página Inicial > Comunicação Social > Notícias > 2008 > 11 > Prédio da Proserv é vendido em leilão da Justiça do Trabalho

Prédio da Proserv é vendido em leilão da Justiça do Trabalho

Projeto Arrematar continua nesta quarta-feira no auditório do Fórum

Ações do documento

publicado: 26/11/2008 08h39 última modificação: 30/09/2016 10h19


Um dos bens mais valiosos arrematados na tarde desta terça-feira no mega-leilão da Justiça do Trabalho ultrapassou os R$ 800 mil. O prédio sede da concessionária de veículos concessionária Proserv, localizado no Varadouro, foi vendido por R$ 820 mil, em uma disputa acirrada que iniciou com lance de R$360,00. O imóvel estava avaliado em R$ 990 mil reais.

O Projeto Arrematar do Tribunal Regional do Trabalho da Paraíba continua nesta quarta-feira durante todo o dia no auditório do Fórum Maximiano Figueiredo, em João Pessoa. A última edição do ano foi aberta pelo vice-presidente do TRT da Paraíba, no exercício da presidência, juiz Edvaldo Andrade.  O projeto tem a coordenação da juíza do Trabalho Ana Paula Cabral Campos.

O TRT, através da Central de Mandados, colocou bens de 356 processos para arrematação. Todos podem ser retirados do leilão até momentos antes de iniciar o pregão daquele processo. Juizes e servidores estão à disposição para fazer a negociação. Foi o caso do Clube Cabo Branco, cujos representantes pagaram o parcelamento da dívida com o INSS, com a sede do Botafogo, do Iate Clube e a empresa Empasa.

 

Apartamentos, motocicletas e bebidas arrematadas

Um apartamento no edifício Praia Norte, na valorizada área de Manaíra, na avenida Edson ramalho, com dois quartos, mais um reversível, varanda, cozinha e outras dependências, foi arrematado por R$66 mil. O leiloeiro oficial Alexandre Nunes está seguindo a ordem do edital para chamar os bens que estão sendo ofertados. Inúmeras oportunidades de negócios são realizadas durante os mega-leilões. Foi arrematado pelo valor de R$ 4.750,00, duas motos: uma Honda GC 125, ano 2001, e uma Honda Titan 125, ano 2002. Quarenta litros de whisky Teacher´s foram arrematados pelo valor de R$ 700,00.

Pela primeira vez o leilão está sendo realizado também de forma eletrônica. Cento e vinte e nove pessoas se cadastraram e estão oferecendo seus lances via Internet. O lance ofertado por todos, tanto presenciais quanto via Internet, aparece no telão instalado no auditório.

Não é permitida a participação de servidores da Justiça do Trabalho. Os participantes do Projeto Arrematar podem dar lance mínimo para bens móveis de 20% do valor da avaliação e para bens imóveis lances mínimos iniciando em 40%. Os bens imóveis poderão ser parcelados com uma entrada obrigatória de 30%.

O Projeto Arrematar está sendo realizado, a partir das 9h, no auditório do Fórum Maximiano Figueiredo, Empresarial João Medeiros, anexo do Shopping Tambiá – E2.