Você está aqui: Página Inicial > Comunicação Social > Notícias > 2010 > 06 > Juiz Ubiratan Delgado e diretor da STI apresentam painel no Congresso em CG

Juiz Ubiratan Delgado e diretor da STI apresentam painel no Congresso em CG

Ações do documento

publicado: 09/06/2010 09h31 última modificação: 30/09/2016 10h17



A primeira atividade depois da abertura do I Congresso Brasileiro sobre Processo Eletrônico Trabalhista, nesta terça-feira, 8, foi um painel multidisciplinar com o tema. A experiência do Processo Judicial Eletrônico na 13ª Região, apresentado pelo juiz Ubiratan Delgado, que é presidente da Comissão de Informática do TRT da Paraíba, e pelo diretor da Secretaria de Tecnologia da Informação, Max Guedes Pereira.



O diretor da Secretaria de Tecnologia da Informação iniciou sua explanação e demonstrou para a plateia, representantes de Tribunais Regionais do Trabalho de todo o país, como funciona a tramitação do Processo Eletrônico no Estado que é pioneiro no Brasil. Max Guedes Pereira fez um relato histórico sobre as etapas vencidas e os desafios para a implantação do Processo Eletrônico, e ressaltou o apoio e a participação dos magistrados.  “É preciso dizer que a Comissão de Informática, formada por magistrados, representantes da Corregedoria, das Varas do Trabalho e da Secretaria de Tecnologia foram fundamentais para alcançar o nosso objetivo”, disse Max Frederico. Ele destacou ainda as vantagens da implantação do Processo Eletrônico, entre elas a comprovada celeridade, com prazos menores da autuação até a conclusão dos processos, a economia e a preservação do meio ambiente.



O juiz Ubiratan Delgado explicou como funciona cada etapa da tramitação eletrônica e destacou alguns pontos considerados de relevância, como por exemplo, a unificação da base de dados na 1ª e 2ª Instância. Ele deu um testemunho de situações do cotidiano na tramitação eletrônica dos processos. Outro aspecto abordado pelo magistrado foram as funcionalidades do Processo Eletrônico, como por exemplo, os avisos automáticos através de e-mail sobre os processos conclusos.


O I Congresso Brasileiro sobre Processo Eletrônico Trabalhista está acontecendo no auditório da FIEP - Federação das Indústrias do Estado da Paraíba, em Campina Grande, até esta quarta-feira, 9. No final dos trabalhos será lançado o Selo Eletrônico para Processos Históricos, pela juíza Rosivania Cunha Gomes. O evento será encerrado pelo desembargador Edvaldo de Andrade, presidente do TRT da Paraíba.