Você está aqui: Página Inicial > Comunicação Social > Notícias > 2010 > 09 > TST realiza 1º Encontro de Comunicação da Justiça do Trabalho

TST realiza 1º Encontro de Comunicação da Justiça do Trabalho

Ações do documento

O Tribunal Superior do Trabalho está realizando em Brasília o 1º Encontro de Comunicação da Justiça Trabalhista, aberto nesta terça-feira. O encontro tem o objetivo de discutir diretrizes de comunicação para a Justiça do Trabalho de todo o país. Os ministros Moura França, presidente do TST, Carlos Alberto Reis de Paula, corregedor-geral da JT, a desembargadora Eneida Melo, presidente do TRT da 6ª Região-PE e coordenadora do Colégio de Presidentes e Corregedores de TRTs - Coleprecor, o assessor de comunicação do TST, Ribamar Teixeira, estavam na solenidade de abertura.

O presidente do TRT da Paraíba, desembargador Edvaldo de Andrade, que está em Brasília participando da reunião do Colégio dos Presidentes dos Tribunais do Trabalho – Coleprecor, também estava na solenidade.

O assessor de comunicação do tribunal, jornalista José Vieira Neto, representa a Justiça do Trabalho da Paraíba e falará nesta quinta-feira pela manhã sobre o projeto Media Training, que busca dar suporte a magistrados e gestores para a interação com a imprensa. A mesa será presidida pelo ministro Barros Levenhagen, diretor da Escola Superior da Magistratura – Enamat e composta pela jornalista Carmem Feijó, assessora de comunicação da escola

Jornada

Nesta terça-feira foi apresentado um programa piloto que será ancorado pelo TST e terá a participação de todos os TRTs. O programa começará a ser veiculado na TV Justiça a partir do próximo. No programa piloto constam dois trabalho do TRT da Paraíba, uma reportagem da jornalista Rosa Aguiar sobre um acordo feito entre os trabalhadores e a direção do Porto de Cabedelo e um vídeo sobre o Cordel do Trabalho, com o repentista Oliveira de Panelas.

Ministro Moura França

Durante a abertura do encontro, o ministro Moura França afirmou que a Justiça do Trabalho tem se destacado, cada vez mais, como a que mais julga no país. “Vários tribunais do trabalho são apontados como campeões no cumprimento das metas do CNJ, mas a boa atuação das cortes trabalhistas não é conhecida pela sociedade e contrário ao desconhecimento, só há um antídoto, a comunicação bem feita”, frisou.

O 1º Encontro de Comunicação da JT é realizado no auditório da Enamat, no TST, e prossegue esta quinta-feira, dia 30.