Você está aqui: Página Inicial > Comunicação Social > Notícias > 2013 > 05 > Ministro apresenta resultado da Correição na Paraíba nesta sexta-feira

Ministro apresenta resultado da Correição na Paraíba nesta sexta-feira

Sessão no auditório do TRT foi antecipada para as 9h30

Ações do documento

O ministro corregedor geral da Justiça do Trabalho, Ives Gandra Martins Filho, antecipou para as 9h30 desta sexta-feira, 17, a leitura da ata com o resultado da correição no Tribunal do Trabalho. Desde a última segunda-feira o ministro e a equipe da corregedoria estão trabalhando na Paraíba. O documento final da fiscalização será lida no auditório do TRT em sessão pública.

Após a sessão, o ministro concederá entrevista coletiva. A conversa com os jornalistas acontecerá na sala de reuniões da Presidência do TRT, e está prevista para as 10h00. Na última segunda-feira a correição foi aberta com uma reunião de Gandra Martins Filho com o desembargador presidente do TRT da Paraíba, desembargador Carlos Coelho, com o vice presidente, desembargador Ubiratan Delgado, e diretores de todas as unidades do Regional.

No segundo dia de correição o ministro conversou com os desembargadores e juízes paraibanos e recebeu advogados e pessoas com processos em tramitação na Segunda Instância da Justiça do Trabalho da Paraíba.

 

Visita ao Fórum Trabalhista

Na quarta-feira o dia de trabalho de Ives Gandra foi movimentado. Visitou o Fórum Trabalhista, onde assistiu a duas audiências na íntegra e acompanhou parte do conteúdo do curso Planejamento Estratégico - Primeira Noções, promovido pela Escola Judicial e direcionado a juízes.

Também visitou setores importantes no Fórum Maximiano Figueiredo, como o Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos (Nucon). Em uma sala de audiência recebeu elogios das partes sobre o clima acolhedor do Núcleo. “Ao entrar neste ambiente me senti acolhida, me senti mais leve”, disse Iza Belarmino da Silva, parte no processo. O advogado Henrique Gadelha Chaves disse ao ministro que os resultados obtidos no Nucon são animadores. “Aqui o percentual de acordos no total de processos chega a quase 100%”, comentou.

Esteve ainda na sede da Amatra 13 (Associação dos Magistrados do Trabalho), onde foi recebido pelo presidente, juiz Adriano Dantas.

No final da manhã, acompanhado do presidente do TRT, desembargador Carlos Coelho, Gandra visitou as obras do novo Fórum Trabalhista, que vai abrigar as Varas do Trabalho de João Pessoa. O prédio terá cinco pavimentos e a estrutura está com 70% dos trabalhos concluídos.

Nesta quinta-feira recebeu o ouvidor do Tribunal do Trabalho, desembargador Wolney Cordeiro e o procurador-chefe do Ministério Público do Trabalho na Paraíba, Eduardo Varandas Araruna.