Você está aqui: Página Inicial > Comunicação Social > Notícias > 2014 > 10 > Arte e emoção marcaram encerramento do I Encontro Nacional de Núcleos de Conciliação

Arte e emoção marcaram encerramento do I Encontro Nacional de Núcleos de Conciliação

Ministro João Batista Brito Pereira, do TST fez discurso no encerramento do evento

Ações do documento

 

O ministro corregedor-geral do Tribunal Superior do Trabalho, João Batista Brito Pereira fez, na tarde de quinta-feira (2), o encerramento do I Encontro Nacional de Núcleos de Conciliação da Justiça do Trabalho. Em seu discurso, o magistrado destacou a atuação do Nucon afirmando que sua impressão foi a melhor possível. “O TRT da 13ª Região é uma espécie de vanguardista, um percussor dessa conciliação humanista na solução dos litígios judiciais”, disse.

“Liderado pela juíza Nayara Mota, o Nucon da Paraíba é um sucesso explícito, inquestionável e eu não tenho dúvidas de que os TRTs aqui representados vão agregar as melhores experiências. A conciliação é o nosso pilar e aqui na Paraíba se conta com a criatividade e essa grande frequência no Encontro mostra que o Núcleo é uma referência em matéria de conciliação. Estou deixando um capítulo na Ata de Correição destacando o Nucon como exemplo de boa prática e esterei levando esse exemplo para outros Regionais onde farei correições”, observou o ministro.

O evento aconteceu nos dias 1º e 2 no auditório do Hotel Cabo Branco, em João Pessoa, com apresentações folclóricas e teatrais, palestras e apresentação dos Núcleos de outros estados pelos seus representantes. O Nucon da Paraíba, localizado no Fórum Maximiano Figueiredo, recebeu a visita dos participantes do Encontro e sua estrutura foi mostrada pela juíza coordenadora Nayara Mota, pelo juiz auxiliar Carlos Hindemburg e pela servidora Anna Waléria Maux.

O professor doutor Paulo Lopo Saraiva foi o palestrante da tarde de encerramento, apresentando o tema “Direito à paz. A juíza coordenadora do Nucon, Nayara Mota entregou ao ministro João Batista Brito Pereira uma Carta que foi elaborada durante o evento, que fala das dificuldades encontradas pelos tribunais, considerações e impressões captadas. “Nosso país está representado nesse encontro. Dos 24 Tribunais existentes, 18 estão presentes representados por presidentes, vice-presidentes e servidores”, destacou a magistrada.

A coordenadora do Nucon fez questão de agradecer ao juiz Carlos Hindemburg pelo apoio e parabenizar a equipe de servidores do Núcleo e aos servidores do TRT que integram o grupo Justiça em Palco, que apresentaram uma peça teatral representando uma audiência no Núcleo de Conciliação. “Tudo foi feito com o coração”, disse. Ela finalizou o Encontro com a leitura de um texto onde fez um resumo do que o Nucon representa para ela.

Ao final, os participantes foram recepcionados com um coquetel, onde foi sorteada a tela “A Deusa Conciliadora”, do artista plástico Pedro Nogueira, cuja arte foi produzida no saguão do Hotel durante os dois dias de realização do evento.

 

Depoimentos:

Nayara Mota – Juíza do TRT 13ª Região e Coordenadora do Nucon

“Estou extremamente feliz. Conseguimos trazer representantes de 18 Tribunais do Trabalho e mostrar esse trabalho maravilhoso, que faço questão de atribuir à equipe do Nucon, que trabalha com amor para que a conciliação aconteça”

Paulo Lopo saraiva – Advogado, Professor e Doutor

“O Encontro mostra o diferencial que o TRT da Paraíba tem, que mudou o lay out da conciliação. Se trocou os locais de audiências por um ambiente colorido, regional, nordestino e próprio para que as pessoas se sintam em casa. Essa nova visão de vizinhança, e o novo simbolismo de ambiente é importante para a efetivação da conciliação, porque a paz é um direito fundamental da humanidade”.

Ilson Pequeno Júnior – Desembargador da 14ª Região (RO/AC) e presidente do Coleprecor

“Gostaria de parabenizar o TRT da 13ª Região pela iniciativa do encontro, principalmente a juíza Nayara Mota que nos proporcionou a oportunidade de conhecer o trabalho que é desenvolvido na Paraíba. A experiência deste Encontro vai fortalecer e preparar os magistrados. O Nucon não pertence mais a 13ª Região, pertence ao Poder Judiciário. Hoje ele saiu da 13ª Região para o mundo, como um exemplo de boa prática, uma excelente prática”.

Carlos Alberto Zogbi Lontra – Juiz Auxiliar da Conciliação do 4ª Região – (RS)

“Relevante o compartilhamento de ideias e troca de experiências. Mais relevante ainda a oportunidade de cada um dos participantes expressarem suas experiências, além de contribuírem com a Carta que foi entregue ao Ministro Corregedor da Justiça do Trabalho. Conheço bem a conciliação humanista e já compartilho na minha Região, onde foi criada uma sala especial e bem parecida e inspirada no ambiente da Paraíba”.

Severino Rodrigues dos Santos – Desembargador presidente do TRT da 19ª Região – (AL)

“Tudo no Encontro foi positivo. A juíza Nayara Mota e sua equipe estão de parabéns. A experiência que vamos levar é grande. Vamos aproveitar tudo de positivo, principalmente a construção de uma equipe onde todos trabalhem em prol da conciliação. Assim, todo acordo é bom, tanto para o empregador, como para o empregado”.

Carlos Hindemburg – Juiz do Tribunal do trabalho da 13ª Região

Estou feliz com o Encontro que trouxe todos esses Tribunais para a Paraíba. Isso mostra a força da conciliação humanista. É muito bom ter viver essa experiência.