Você está aqui: Página Inicial > Comunicação Social > Notícias > 2016 > 02 > Justiça do Trabalho inicia correições de 2016

Justiça do Trabalho inicia correições de 2016

É a primeira correição feita pelo vice-presidente do TRT como titular da Corregedoria

Ações do documento

O desembargador vice-presidente e corregedor, Eduardo Sérgio de Almeida, finalizou, na última segunda-feira (01), a primeira correição do ano, realizada em caráter extraordinário na Vara do Trabalho de Guarabira.

Os trabalhos correicionais analisaram problemas pontuais, decorrente do afastamento de servidores por aposentadoria (03 servidores) e licenças médicas de longa duração, fatos que, associados ao crescente número de demandas judiciais no exercício de 2015, estão causando dificuldades no atendimento aos jurisdicionados e aos advogados.

Ao final dos trabalhos, o desembargador corregedor agradeceu ao juiz titular, Antônio Cavalcante da Costa Neto, ao diretor de secretaria, Flávio Félix do Nascimento, e aos servidores pelo tratamento cordial dispensado durante os trabalhos de correição. A próxima correição será realizada na 9ª Vara do Trabalho de João Pessoa, no período de 17 a 19 deste mês.

A ata da correição está no portal da Corregedoria do TRT, neste link.

 

Mudança no Regimento Interno

No ano passado, uma mudança no Regimento Interno do Tribunal do Trabalho da Paraíba transferiu as atribuições da Corregedoria da Presidência para a Vice-Presidência. Em Janeiro passado, uma solenidade simples marcou a passagem do cargo do presidente, desembargador Ubiratan Delgado, para o vice-presidente, desembargador Eduardo Sérgio de Almeida. A mudança aprovada pelo Tribunal Pleno está regulamentada pela Resolução Administrativa nº 160/2015. Esta mudança no Regimento Interno do TRT foi uma das metas anunciadas pelo desembargador Ubiratan Delgado ao assumir a Presidência, em janeiro de 2015.

O vice-presidente, que até agora tinha a incumbência quase que restrita à substituição do presidente, absorvendo outras tarefas apenas por delegação, passa a ter um papel fundamental na administração da instituição.