Você está aqui: Página Inicial > Comunicação Social > Notícias > 2016 > 11 > TRT vai realizar ação educativa em Esperança

Notícias

TRT vai realizar ação educativa em Esperança

Ação de cidadania acontecerá nos dias 16 e 17

Ações do documento

Na próxima semana, nos dias 16 e 17, o Tribunal do Trabalho da Paraíba (13ª Região) estará em Esperança para a realização de uma ação educativa, que tem como objetivo levar para o município informações sobre a importância da Justiça do Trabalho, principalmente para os jovens, que em breve estarão no mercado de trabalho. A ação tem como título “Justiça do Trabalho em Esperança: cidadania para todos” e será voltada para trabalhadores e estudantes secundaristas.

O foco será a importância do trabalho seguro e o uso de equipamentos de segurança. A ação faz parte das atividades do Programa Trabalho Seguro, iniciativa do Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT), com a participação de todos os TRTs do país.

A ação será aberta pelo presidente do Tribunal, desembargador Ubiratan Delgado, às 14h, na Escola Estadual Irineu Joffily. Na programação, uma palestra para os estudantes secundaristas, enfocando o trabalho seguro, proferida pelo juiz André Machado Cavalcanti e a apresentação do grupo de teatro Justiça em Palco, do TRT. O juiz auxiliar da Presidência, Antônio Eudes Vieira Júnior também estará em Esperança.

Às 16h, a Justiça do Trabalho estará na empresa Almeida Comércio Distribuidor de Material de Construção, onde o juiz George Falcão fará uma palestra abordando o trabalho seguro e a importância do uso dos equipamentos de segurança, com o tema “Acidente não acontecem por Acaso”. Focando a mesma temática, o grupo de teatro Justiça em Palco, apresentará uma esquete.

Audiências em Esperança

Na quinta-feira (17), a programação começará com palestra na Escola Irineu Joffily e apresentação teatral para atingir os alunos que estudam no turno da manhã. Essas atividades começarão às 9h.

A partir das 10h, serão realizadas no Fórum da Justiça Comum, audiências em processos trabalhistas oriundos do município de Esperança. As audiências serão presididas pelo juiz Juarez Duarte, titular da Vara do Trabalho de Areia, que tem jurisdição sobre Esperança.