Você está aqui: Página Inicial > Comunicação Social > Notícias > Confira o que é permitido levar e o que não é para as provas do concurso público do TRT-13

Notícias

Confira o que é permitido levar e o que não é para as provas do concurso público do TRT-13

Empresa organizadora enumera cuidados que candidatos devem ter

Ações do documento

publicado: 25/11/2022 17h29 última modificação: 28/11/2022 11h38

Faltam poucos dias para a aplicação das provas do concurso público para provimento de vagas do Tribunal Regional do Trabalho da Paraíba (13ª Região), o que ocorrerá neste domingo (27) nos turnos da manhã e da tarde nas cidades de João Pessoa e Campina Grande. Além da reta final dos estudos, é preciso ter atenção com os horários e com o que é permitido levar para o local da prova.

Os portões dos locais designados para a realização das provas serão fechados, impreterivelmente, às 07h30, no turno da manhã, e às 14h30, no turno da tarde. Dessa forma, a empresa organizadora do certame recomenda que o candidato compareça ao local de prova com antecedência mínima de uma hora antes do fechamento dos portões. Além disso, o candidato deve portar consigo caneta esferográfica de tinta azul ou preta, de corpo transparente; cartão de confirmação de inscrição ou comprovante de pagamento da taxa de inscrição; e documento de identidade original.

Outra recomendação é a de uso da máscara de proteção facial em locais fechados, tendo em vista a pandemia da Covid-19. É possível, também, comparecer ao local de prova munido de álcool em gel, desde que acondicionado em recipiente de material transparente. Aos candidatos que optarem por levar água e lanches de rápido consumo, a organização informa que só é permitido recipiente com material transparente e sem rótulos que impeçam a visualização de seu conteúdo.

Ao ingressar na sala onde será aplicada a prova, o candidato deverá recolher todos os equipamentos eletrônicos e os materiais não permitidos e guardar em um envelope de segurança, que será entregue pelo fiscal de aplicação. O envelope deverá permanecer lacrado durante toda a realização da prova, somente podendo ser aberto depois de o candidato deixar o local. Para verificar todos os detalhes, acesse o edital do concurso.

Pode e não pode levar.jpeg

As provas

A relação contendo o local de aplicação das provas foi divulgada nesta semana e pode ser conferida aqui. As provas do certame serão aplicadas nos turnos da manhã, no horário das 8h às 12h30, para o cargo de analista judiciário, e da tarde, das 15h às 19h, para o cargo de técnico judiciário, considerando o horário oficial de Brasília.

Segundo o edital, os candidatos ao cargo de analista judiciário farão provas com 70 questões objetivas, de múltipla escolha, nas áreas de Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico, Atualidades e conhecimentos específicos referentes a cada cargo, além de uma questão discursiva. Já os candidatos ao cargo de nível técnico farão prova objetiva com 60 questões, com as mesmas áreas de conhecimento, incluindo Legislação Básica e uma prova de redação.

Celina Modesto
Assessoria de Comunicação Social do TRT-13